21 de Julho de 2017

Opinião sobre a crise política

A triste situação política que está ocorrendo no nosso país não é boa, pois a produtividade dos nossos governantes que poderiam ser utilizadas para o estudo e aprovação de leis que contribuam para o progresso da nossa nação, estão nos últimos tempos focados em executar o que segue o manual da boa conduta, objetivando a punição dos possíveis infratores, enquanto que os que sobram estão preocupados em defender-se e na criação de parcerias, fruto de troca de favores para o próprio beneficiamento, em que por algumas vezes não é para o benefício da nação, mas sim para manter-se no poder.

Imaginemos caso o nosso país fosse uma empresa, os cidadões desse país seriam os seus clientes, nesse período em que estamos, os nossos clientes não gostariam de consumir os produtos ou serviços dessa empresa, o que resultaria em sérios prejuízos, em que causaria com facilidade a substituição da alta cúpula administrativa, situação que é mais difícil no governo brasileiro.

 

Acho que deveriam privatizar as empresas estatais, pois na minha opinião, o papel do governo é servir a sociedade, pois aonde há grande fluxo de dinheiro, maior poderá ser o desvio do mesmo, assim caso ocorra a privatização, o governo não correrá tantos riscos de corrupção e caso ocorra algum desvio, sendo uma empresa privada as providencias seriam mais rápidas e sem a interferência de governantes.

Por um lado é bom esse sentimento de justiça contra esses atos que estão sendo descobertos, pois os investidores externos poderão observar que há justiça no Brasil e que os recursos aplicados aqui são monitorados, porém por outro lado, isso poderá afastar os investidores, pois com toda essa repercussão, os investidores pensarão bem antes de aplicar os seus recursos em um país que está sendo visto como um governo corrupto e acharão que não terão as suas expectativas de retornos atendidas sobre os recursos investidos.

Devemos sempre fazer a nossa parte, cobrar os nossos direitos e praticar os nossos deveres, deveres esses que precisam serem praticados com bom senso para evitarmos futuros desconfortos, como por exemplo a escolha dos nossos candidatos nas eleições e mesmo os já eleitos e que não estão no foco da crise, devemos cobrar que se empenhem ainda mais para o progresso de melhorias na nossa sociedade e acompanhar o que prometeram nas eleições e o que realmente cumpriram.

 
 

Nesse período de crise, devemos também sondar oportunidades, empresas podem, por exemplo, aproveitar a alta do dólar para realizarem exportações e os investidores pode aproveitar a alta da taxa selic para a compra de títulos públicos, pois os retornos serão maiores, entre outras oportunidades.

É importante estudarmos constantemente os cenários em que estamos inseridos, devemos fazer sempre o que é correto e cobrarmos essa correção também dos nossos representantes, não podemos perder o foco, vamos continuar investindo e contribuindo para o progresso da nossa nação, buscando sempre os melhores retornos para os nossos negócios, pois quanto maiores os riscos em um investimento, maiores serão os retornos, reclamar não adianta e não devemos deixar as situações decidirem as nossas oportunidades.

Por: Adm. Patrick Monteiro, 7 de abril de 2016

 

Fonte: http://www.administradores.com.br/artigos/cotidiano/uma-opiniao-sobre-a-crise-politica/94745/

Whatsapp

Ultimas notícias

Galeria

Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Apresentações e treinos no Vitória
Ver todas as galerias

Artigos