27 de junho de 2017

Idosa é agredida por enfermeiro em UTI de hospital

Uma idosa de 78 anos sofreu várias agressões de um enfermeiro no Hospital do Servidor Público Municipal (HSPM), em São Paulo. Thereza Aparecida passou por uma cirurgia vascular na semana passada e estava se recuperando do procedimento.

 

Uma idosa de 78 anos sofreu várias agressões de um enfermeiro no Hospital do Servidor Público Municipal (HSPM), em São Paulo. Thereza Aparecida passou por uma cirurgia vascular na semana passada e estava se recuperando do procedimento.

No entanto, na madrugada de domingo (16/4), ela foi agredida por um enfermeiro. “Ele me xingou de tudo quanto foi nome e foi me batendo, bateu até cansar”, disse a idosa em um vídeo gravado pelos filhos. A filha de Thereza, Hedilaine Aparecida Garcia, afirmou que o funcionário deu “vários puxões de cabelo e tapas na cara”.

Segundo a direção do hospital, o responsável pelas agressões, que trabalha no local há 27 anos, foi afastado e a unidade de saúde abriu uma sindicância para apurar o caso.

A Secretaria Municipal de Saúde informou, em nota, que “na manhã deste domingo, após a troca do plantão, o médico constatou um hematoma no rosto da paciente Thereza de Jesus Garcia, internada na UTI da unidade. Questionada, a própria paciente relatou que foi agredida por um dos enfermeiros do plantão noturno. Diante da situação a unidade identificou e afastou imediatamente o funcionário”.

Além disso, afirmou que se “comprovada a agressão, serão tomadas as medidas cabíveis, como advertência, suspensão ou até mesmo exoneração do funcionário”. “Por fim, informamos também que a unidade está elaborando um relatório para notificar o Conselho Regional de Enfermagem (Coren SP) sobre o ocorrido”, diz a nota.

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Classe Política

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*