25 de maio de 2017

Marcelo Sant’Ana faz duras criticas a arbitragem e a CBF após empate com Sport

Marcelo Sant’Ana

 

O empate em 1 a 1 com o Sport na Ilha do Retiro, nesta quarta-feira (17), não agradou nem um pouco os jogadores e dirigentes do Bahia. Muito pelo contrario, foi alvo de muitas criticas.

O jogo de ida das finais da Copa do Nordeste teve lances que geraram a revolta de membros da equipe baiana diante da arbitragem, comandada pelo piauiense Antonio Dib Moraes de Sousa.

Após o confronto, atletas desabafaram nos microfones e o presidente do Bahia, Marcelo Sant’Ana, fez duras críticas à arbitragem e aproveitou para convidar os dirigentes da CBF para o jogo de volta, em Salvador, a fim de assistirem “uma arbitragem digna”:

“Queria fazer um convite aqui, público, para a diretoria da CBF ir para a final em Salvador para ver se a gente tem uma arbitragem digna, porque aqui foi uma vergonha. Não é possível que a principal competição da CBF no primeiro semestre tenha um árbitro que anule um gol legal, que permita que aconteça um gol de um escanteio que não existe. A gente tem que trabalhar com seriedade no futebol! Tem que ter seriedade! Aproveito também para convocar a torcida do Bahia, porque um escândalo desse de arbitragem a gente não vai ver em Salvador, não! Com 45 mil pessoas, eu quero ver se vai ter um árbitro que seja homem de fazer uma arbitragem lamentável como vimos hoje aqui. Futebol tem que ser decidido por atleta. Todo mundo viu aqui no Bahia e o Sport, os dois maiores times do Nordeste trabalharam muito para a gente ter uma arbitragem brincalhona como a gente teve aqui.”

Sant’Ana foi além, e disse que um arbitro que não tem o habito de apitar grandes partidas, não deveria apitar jogos de equipes de Série A:

“Quando Hernane falou no ano passado, com todo o respeito ao estado do Piauí, que não pode botar um árbitro desse, qual time do Piauí está na Série A? Qual time do Piauí está na Série B ou C? Que nível de jogo ele acompanha durante o ano para botar numa final de Copa do Nordeste? Tem que ter seriedade, rapaz! Tem que botar gente para trabalhar com dignidade. Deixe os jogadores decidirem!”

Com o empate, o Bahia vai para a Arena Fonte Nova precisando apenas de um 0 a 0 para conquistar o título do Nordestão. Novo empate em 1 a 1 leva a decisão para os pênaltis; empate de 2 a 2 ou mais gols dá o título ao Sport. A partida na próxima quarta-feira (24), às 21h45 (de Brasília) .

 

 

 

 

 

Fonte: Varela Notícias

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*