23 de junho de 2017

Neto detona Jaques Wagner: “Não sou acusado de corrupção e não me misturo”

 

O prefeito ACM Neto (DEM) disparou contra o governador Jaques Wagner (PT) no final da manhã desta quinta-feira (20) sobre as críticas que recebeu por ter sido delatado por um ex-executivo da Odebrecht – Neto é acusado de ter recebido, via Caixa 2, em 2012, quase R$ 2 milhões da Odebrecht. Segundo o prefeito de Salvador, “Wagner não tem moral” pra falar dele.
Prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM) e Jaques Wagner (PT).

O prefeito ACM Neto (DEM) disparou contra o governador Jaques Wagner (PT) no final da manhã desta quinta-feira (20) sobre as críticas que recebeu por ter sido delatado por um ex-executivo da Odebrecht – Neto é acusado de ter recebido, via Caixa 2, em 2012, quase R$ 2 milhões da Odebrecht. Segundo o prefeito de Salvador, “Wagner não tem moral” pra falar dele.

 

“Qual a moral que ele tem? Ele é acusado de corrupção. Eu não. Não tenho nada a ver com corrupção nem com a Lava Jato. Certo? O PT, sim, tem a ver com corrupção e com Lava Jato. Eles é que sabem tratar desse assunto. Não me meça pela régua deles. O PT é o partido mais corrupto do Brasil e não pode querer generalizar isso. Estou absolutamente tranquilo. Não sou acusado de corrupção. Não tenho nada a ver com Lava Jato e não me misturo”, disse à imprensa. Com informações do site do jornalista Levi Vasconcelos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Varela Notícias

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*