10 de Dezembro de 2019

Suspeito de tentar matar Bolsonaro durante evento é preso após publicação em rede social

Um homem foi preso após se tornar o principal suspeito de planejar um assassinato contra o presidente Jair Bolsonaro, na última sexta-feira (29/11). Ele trabalhava como faxineiro de uma empresa terceirizada, contratada pelo Exército de Três Corações, no sul de Minas Gerais. O jovem, de 25 anos, teria publicado um vídeo nas redes sociais mostrando detalhes do plano, um dia antes de uma solenidade na Escola de Sargentos das Armas (ESA), na qual o presidente esteve presente. O suspeito chegou a ir quartel no dia do evento, mas foi denunciado por uma pessoa que viu o vídeo na rede sociai. Assustado, ele voltou para casa, onde foi detido pela polícia. Em uma das publicações, que já foi apagada, o suspeito escreve na legenda: "Preparando minha faca para o Bolsonaro". Em depoimento à polícia, ele alegou ser de centro-esquerda e disse que fez as postagens por "ironia" e "inconformismo político". Ele será investigado por crime contra a segurança nacional e pode pegar entre 3 e 10 anos de reclusão.
Whatsapp

Ultimas notícias

Galeria

Barcelona finaliza contratação de Neymar, diz TV
Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Ver todas as galerias

Artigos