31 de Março de 2020

Cerca de 40 refis de álcool em gel são furtados por dia no aeroporto de Salvador

Cerca de 40 refis de álcool em gel são furtados todos os dias no Aeroporto Internacional de Salvador. A informação foi confirmada ao G1 pela empresa que administra o terminal, na manhã desta quarta-feira (25). O produto é um dos mais indicados como forma de evitar a contaminação da Covid-19.

O aeroporto passou a disponibilizar álcool em gel , junto com um aviso sonoro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), em janeiro deste ano. Na ocasião, não existiam casos da doença no estado e as medidas eram como forma de prevenção para passageiros e funcionários.

Os furtos, no entanto, só começaram a ser contabilizados há duas semanas, quando o registro do novo coronavírus na Bahia já alcançava a casa das dezenas. Segundo a empresa, cada refil roubado comportava 500 ml do produto.

Por causa da situação, houve uma redução na quantidade de dispensers disponíveis pelo terminal e eles, agora, estão concentrados em áreas de maior movimentação de pessoas e também onde há monitoramento por câmeras de segurança.

Passageiros já relataram ter procurado, mas não encontram o produto no terminal. No dia 15 de março, um passageiro registrou um vídeo que mostra a falta de sabão e álcool gel.

Apesar de situações como essa, a assessoria pontuou que não houve redução na quantidade de refis disponibilizados, mesmo as pessoas enchendo recipientes com o produto.

Até a manhã desta quarta-feira, a Bahia havia registrado mais de 70 casos confirmados de coronavírus.

 

G1

Whatsapp

Galeria

Barcelona finaliza contratação de Neymar, diz TV
Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Ver todas as galerias

Artigos