03 de Dezembro de 2020

Para conter mutação do coronavírus, Irlanda anuncia sacrifício de 100 mil visons

Foto:Reprodução

O governo da Irlanda anunciou hoje (19) que sacrificará a população de visons criados no país por medo de que os animais sejam portadores de uma mutação do coronavírus transmissível aos humanos. A informação foi divulgada pelo jornal O Globo.

A variante do Sars-CoV-2 foi detectada na Dinamarca nesses pequenos mamíferos, cuja pele é usada na produção de casacos e outras peças de vestuário. O país nórdico chegou a ordenar a morte de toda a população da espécie, cerca de 17 milhões de animais.

Embora até agora não se tenha detectado nenhum caso na Irlanda, o ministério da Saúde "recomendou que o vison criado na Irlanda seja sacrificado para reduzir ou eliminar o risco", acrescentou.

Fonte:Metro1

Whatsapp

Galeria

Barcelona finaliza contratação de Neymar, diz TV
Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Ver todas as galerias

Artigos