26 de junho de 2017

PF mira fraude em empréstimos do BNDES; prejuízo chega a R$ 1,2 bilhão

Na manhã desta sexta-feira (12), a Polícia Federal (PF) deflagrou a Operação Bullish, que investiga fraudes e irregularidades em empréstimos concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Os agentes cumprem 37 mandados de condução coercitiva no Rio de Janeiro e em São Paulo. Pelo menos 26 equipes do órgão foram mobilizadas.

 

Na manhã desta sexta-feira (12), a Polícia Federal (PF) deflagrou a Operação Bullish, que investiga fraudes e irregularidades em empréstimos concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Os agentes cumprem 37 mandados de condução coercitiva no Rio de Janeiro e em São Paulo. Pelo menos 26 equipes do órgão foram mobilizadas.
Segundo a PF, por meio da subsidiária BNDESPar, o banco prestou aportes a partir de junho de 2007 a uma empresa do ramo de proteína animal. O objetivo era a aquisição de companhias do setor de frigoríficos, no valor total de R$ 8,1 bilhões.
As operações de desembolso dos recursos públicos tiveram tramitação recorde, segundo a PF, realizadas a partir da contratação de uma consultoria ligada à época a um parlamentar. As transações foram executadas sem exigência de garantias com a dispensa indevida de prêmio previsto no contrato. O órgão estima que o prejuízo aos cofres públicos decorrente do esquema chegue a R$ 1,2 bilhão.
Fonte: Bocão News

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*