23 de junho de 2017

Relator do TSE pedirá a cassação da chapa Dilma-Temer na próxima semana

O presidente Michel Temer (PMDB) acreditava que o relatório final do ministro Herman Benjamin, do Tribunal Superior Eleitoral, não iria pedir a cassação da chapa de Dilma Rousseff, da qual faz parte, se enganou. Isso porque segundo o jornal Folha de São Paulo, o relator pediu a cassação da chapa Dilma-Temer, mas se colocou contra a punição para tornar os dois inelegíveis.

O presidente Michel Temer (PMDB) acreditava que o relatório final do ministro Herman Benjamin, do Tribunal Superior Eleitoral, não iria pedir a cassação da chapa de Dilma Rousseff, da qual faz parte, se enganou. Isso porque segundo o jornal Folha de São Paulo, o relator pediu a cassação da chapa Dilma-Temer, mas se colocou contra a punição para tornar os dois inelegíveis.

 

De acordo com ministros que tiveram acesso aos documentos, a narrativa do ministro cita irregularidades financeiras na campanha de 2014, mas também a ausência de provas de que Temer e Dilma sabiam. Apesar disso, para cassar a chapa não é necessário provar que os candidatos sabiam dos atos ilícitos. O relatório tem 1.086 páginas.

 

 

 

Fonte: Varela Notícias

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*