05 de Agosto de 2021

Governo da Bahia volta atrás e mantém transporte de lanchinhas e balsas no São João

Dois dias após oficializar a suspensão do transporte intermunicipal hidroviário no São João, o governo da Bahia recuou da medida. O primeiro decreto, publicado no Diário Oficial da última terça-feira (15), suspendia a circulação, chegada e saída de ferry-boats, bem como dos demais transportes do tipo, públicos ou privados, como lanchinhas e balsas, das 20h da próxima segunda (21) às 5h do dia 28 de junho.


 

Já o decreto publicado nesta quinta (17) altera o artigo referente às lanchas e balsas. A nova redação indica que esse transporte, público ou privado, deverá restringir sua ocupação máxima a 50% da capacidade da embarcação de 21 a 28 de junho. Procurada pelo Bahia Notícias, a assessoria de comunicação da Agerba, responsável por fiscalizar o setor, ressaltou que a flexibilização não se estende aos ferry-boats, cujo funcionamento será suspenso no período.

 

OUTRAS RESTRIÇÕES

O decreto anterior também detalhou como será a restrição do transporte intermunicipal rodoviário. Seja público ou privado, ele estará suspenso desde a primeira hora de segunda-feira até às 5h do dia 28 de junho.

 

Essas medidas visam conter a circulação de pessoas e, com isso, tentam evitar o aumento dos casos de Covid-19, como aconteceu no período junino do ano passado.

 

Como muitas restrições já estão em vigor, às vezes flexibilizadas ou intensificadas, até este domingo (20) e de 28 de junho a 4 de julho, todos esses transportes, rodoviários e hidroviários, serão autorizados a funcionar. A ocupação máxima deles fica limitada a 70% da capacidade dos veículos e sem disponibilizar transportes extras.

Whatsapp

Galeria

Barcelona finaliza contratação de Neymar, diz TV
Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Ver todas as galerias

Artigos