29 de Maio de 2022

Prates critica posição de Rui contra o Carnaval e compara decisão com estádios

Leo Prates (PDT) questionou a decisão do governo estadual em ser contrário a realização do Carnaval de Salvador em 2022. O secretário municipal de Saúde foi às redes sociais nesta sexta-feira (26) e problematizou a posição do estado, citando nominalmente o governador Rui Costa (PT).

"Com todo respeito ao governador, deixo aqui as minhas considerações: as imagens que estamos vendo nos estádios de futebol da Bahia, inclusive com cerveja e 35.000 pessoas, remetem ao discurso de cautela? Qual o parâmetro epidemiológico para esta decisão?", provocou.

 

 


Prates ainda disse que as multidões vistas nos estádios são "verdadeiros carnavais". "Vamos todos pagar essa conta!", disparou titular da pasta. Liberadas pelo governo em todo estado desde o último dia 27 de outubro, quando foram autorizadas a ocupar 50% da capacidade dos estádios, as torcidas dos dois principais clubes baianos registraram públicos na casa das dezenas de milhares de pessoas.

O recorde de público é Esporte Clube Bahia, que no último dia 21 de novembro, na partida com o Cuiabá, teve um total de 19.790 pagantes. O jogo do time com o Gêmio, marcado para esta sexta, às 19h, tem a expectativa de contar com 30 mil pessoas. Atualmente, 70% da capacidade das praças esportivas baianas podem ser ocupadas.

Whatsapp

Galeria

Bahia Farm Show apresenta exposição fotográfica sobre as belezas do Oeste da Bahia
Exposição aproximará startups agrícolas de investidores privados
Ver todas as galerias

Artigos