17 de Janeiro de 2022

Áudio revelador fez polícia prender suspeito de morte de adolescente em Caraíva

Bnews Bnews Facebook BnewsTwitter BnewsInstagram BnewsYoutube Bnews Busca POLÍCIA Áudio revelador fez polícia prender suspeito de morte de adolescente em Caraíva Montagem BNews O corpo da adolescente foi encontrado com sinais de estrangulamento e abuso sexual .

A morte da adolescente Nayra Gatti, de 14 anos, é cercada de mistério. O corpo da vítima foi encontrado com sinais de estrangulamento e abuso sexual, em dezembro do ano passado, em Caraíva, distrito turístico de Porto Seguro, no Sul da Bahia, após um apagão elétrico na localidade. Mas, nesta quinta-feira (6), a Polícia Civil prendeu um suspeito de envolvimento na morte da adolescente. E os investigadores chegaram a ele após um outro suspeito, que tirou a própria vida nesta quarta-feira (5), deixar um áudio com uma indicação.

De acordo com a Polícia Civil, a prisão aconteceu após o Poder Judiciário acatar o pedido de prisão temporária feito pela 23ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Eunápolis). Áudio O órgão não divulgou o nome dos dois, mas informou que o autor do áudio afirmou que o suspeito preso estava bebendo e usando entorpecentes próximo à garota antes do crime. “No áudio, ele diz o nome do suposto autor. Em parceria com a PM, conseguimos localizar o homem e interrogá-lo.

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) também colheu o material genético dele para averiguação, e representamos pela prisão, que foi concedida pelo Plantão Judiciário. Ele se apresentou na delegacia acompanhado de advogados logo após a decisão do juiz”, disse o coordenador da 23ª Coorpin, delegado Moisés Damasceno.

“Antes de tirar a própria vida, ele negou qualquer envolvimento e aceitou fornecer o material genético para ser comparado com o que foi coletado na vítima. Ele levantou suspeitas da polícia após sair do distrito no mesmo dia que o corpo da jovem foi encontrado, como se estivesse fugindo. Estamos no aguardo do resultado dos exames para confirmar”, completou o delegado. O preso segue custodiado na delegacia e posteriormente será encaminhado para o Sistema Prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

Desaparecimento Durante as investigações, mais de 25 pessoas foram ouvidas pela polícia. Nayra estava na companhia do pai e da irmã, de 9 anos, quando desapareceu. A família voltava de um supermercado durante um blackout que atingiu Caraíva por 36 horas A família e amigos buscaram por ela durante todo o dia, mas o corpo da adolescente foi encontrado no dia seguinte, às margens de um rio.

Whatsapp

Galeria

Barcelona finaliza contratação de Neymar, diz TV
Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Ver todas as galerias

Artigos