04 de Março de 2024

Neymar é multado em R$ 16 milhões por lago artificial em mansão de Mangaratiba

O jogador Neymar foi multado em R$ 16.010.000 devido a irregularidades nas obras de criação de um lago artificial em sua casa no Condomínio AeroRural, em Mangaratiba, na Costa Verde do Rio de Janeiro. A decisão foi tomada pela procuradora-geral do município, Juraciara Souza Mendes da Silva.

O relatório técnico da equipe de fiscalização ambiental, que tem 46 páginas, identificou diversas infrações na propriedade do jogador. Essas infrações incluíam a falta de autorizações necessárias para uma obra que requer controle ambiental, a captação e desvio ilegal de água de um rio, a movimentação indevida de terras e a supressão de vegetação.

Além disso, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente mencionou que houve o descumprimento do embargo imposto à obra.

Além de aplicar as multas, o órgão responsável também tomou medidas legais, acionando o Ministério Público, a Polícia Civil, a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente e outros órgãos de controle ambiental. Essas medidas foram tomadas devido aos danos ambientais causados e ao não cumprimento das leis ambientais que estão em vigor.

Recentemente, o pai de Neymar obteve uma liminar judicial que revogou a interdição do espaço na mansão. Foi Neymar da Silva Santos quem recebeu a equipe de fiscalização no dia 22 de junho, sendo acusado de desacato e chegando a ser detido.

 

Informações da Gazeta Brasil / Foto: Reprodução

Whatsapp

Galeria

Bahia Farm Show apresenta exposição fotográfica sobre as belezas do Oeste da Bahia
Exposição aproximará startups agrícolas de investidores privados
Ver todas as galerias

Artigos