04 de Março de 2024

Bruno Reis entrega chave da cidade ao Rei Momo e abre oficialmente o Carnaval de Salvador

O prefeito de Salvador, Bruno Reis, afirmou nesta quinta-feira (8) que a abertura oficial do Carnaval 2024 na Praça Castro Alves, com um encontro de trios, promove um resgate histórico da festa na capital baiana e valoriza ainda mais a folia no Centro. O ato simbólico de entrega das chaves da cidade ao Rei Momo aconteceu no Palco Salvador Capital Afro, uma das novidades deste ano, com a presença de diversas autoridades.

“Todos lembram dos encontros marcantes de trios na Praça Castro Alves. Hoje, se inicia oficialmente o Carnaval, com cobertura para todo o Brasil. Tenho certeza que será uma abertura triunfante. Queremos realizar o maior de todos os carnavais da história, valorizando ainda mais o Carnaval do Centro. O objetivo é atrair as pessoas para o Centro, resgatar o Carnaval tradicional, cultural, valorizar a nossa história”, afirmou Bruno Reis.

Ivete Sangalo, Carlinhos Brown, BaianaSystem e o bloco Afro Ilê Aiyê, que completa 50 anos em 2024, se apresentam na icônica praça na tarde desta quinta no histórico encontro. O prefeito destacou a importância do evento, sobretudo para as gerações mais novas. “Muitos jovens não tiveram a oportunidade de conhecer o encontro dos trios e o quanto esse momento era marcante para consolidar na memória das pessoas a história do Carnaval”, apontou o gestor municipal.

“Agora, é o Rei Momo quem comanda a folia. Seguirei organizando a operação da festa, os serviços públicos, trabalhando com a nossa equipe para dar tudo certo. Está tudo pronto. Preparamos o Carnaval preocupados com os mínimos detalhes. Pelos investimentos que a Prefeitura está fazendo e toda a experiência acumulada, este será o melhor Carnaval da história. A gente está dizendo que será o maior de todos os tempos”, disse o chefe do Executivo soteropolitano.

Bruno também enalteceu os blocos Afro, representados na abertura oficial do Carnaval pelo Mais Belo dos Belos, ao lembrar que o mais antigo bloco afro do país tem uma importância que vai muito além da festa. “Estamos prestigiando e agradecendo ao Ilê pela sua importância. O Ilê contribuiu de forma decisiva para que o negro tivesse orgulho, quebrando paradigmas e barreiras”, afirmou o prefeito.

Escolhido Rei Momo pela quarta vez, o publicitário Alan Cerqueira Nery falou sobre a experiência. “Prometo que esta edição será uma jornada inesquecível de união e celebração da vida. Como Rei Momo, convido todos a se juntarem a nós nessa festa que será um marco na história do Carnaval de Salvador, onde a alegria, o respeito e a diversidade serão os verdadeiros protagonistas”, disse.

Serviços - Se o Carnaval começa oficialmente nesta quinta, o clima de festa na cidade já vem desde o início de fevereiro, com a Lavagem de Itapuã e a Festa de Yemanjá seguidas por mais cinco dias com eventos de pré-Carnaval. Segundo o prefeito, este Carnaval “estendido”, além de ser um aquecimento, auxilia no ajuste da operação, para o aprimoramento dos serviços.

Este ano, a Prefeitura terá, pela primeira vez, um Centro de Controle de Operações (CCO) do Carnaval, monitorando os circuitos e bairros em tempo real. “Com a expertise que adquirimos nos últimos anos, este tem tudo para ser também um excelente Carnaval no que se refere à prestação dos serviços públicos”, avaliou Bruno.

Após a entrega da chave ao Rei Momo, o prefeito acompanha o desfile dos artistas que se apresentam na Castro Alves em direção ao Campo Grande. A primeira apresentação foi de Ivete Sangalo, assim como ocorreu em 2023, porém na Barra. À noite, ele participa do primeiro dia da festa no Circuito Dodô (Barra/Ondina), acompanhando a operação.


Foto: Valter Pontes / Secom PMS

Whatsapp

Galeria

Bahia Farm Show apresenta exposição fotográfica sobre as belezas do Oeste da Bahia
Exposição aproximará startups agrícolas de investidores privados
Ver todas as galerias

Artigos