19 de Setembro de 2021

Jatinho turco é detido no aeroporto de Fortaleza com 1,3 tonelada de cocaína

A Polícia Federal apreendeu na manhã desta quarta-feira, 4 de agosto, 1.304 quilos de cocaína, em um jato executivo no aeroporto de Fortaleza.

O passageiro espanhol e quatro turcos membros da tripulação da aeronave foram conduzidos até a PF para serem interrogados.

A apreensão decorre de investigação da PF. A droga foi flagrada em malas, em uma aeronave executiva Gulfstream Aerospace G-IV de nacionalidade turca e de registro TC-GVA, de propriedade da empresa ACM Airlines. O avião decolou de Ribeirão Preto e tinha como destino Lisboa e Bruxelas.

A droga estava acondicionada em 24 malas pertencentes a um passageiro espanhol. Havia 50 tabletes de droga em cada bagagem, com um total de 1.200 tabletes de cocaína.

Foram apreendidos a aeronave, celulares e documentos. As investigações continuam com a análise desse material. Segundo dados da plataforma de rastreamento de voos RadarBox, a aeronave chegou no Brasil no dia 2 de agosto, proveniente de Málaga, na Espanha.

No entanto, curiosamente, o trajeto entre Fortaleza e o interior de São Paulo não foi gravado, o que pode indicar que a aeronave voou oculta dos rastreadores particulares. Recentemente, uma outra apreensão aconteceu no Brasil, no entanto no aeroporto de Salvador, quando um jato de matrícula portuguesa foi detido com mais de 500 quilos de droga.

Por coincidência, ou não, a aeronave também partiu do interior de São Paulo e tinha Portugal como destino. Informações da PF (adaptado)

Whatsapp

Galeria

Barcelona finaliza contratação de Neymar, diz TV
Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Ver todas as galerias

Artigos