10 de Dezembro de 2019

Anguera: operação flagra posto vendendo gasolina com mais de 90% de etanol

Um posto de combustível em Anguera, centro-norte do estado, teve as bombas lacradas após uma fiscalização da Agência Nacional de Petróleo (ANP) apontar que a gasolina vendida no estabelecimento tinha mais de 90% de etanol anidro em sua composição. O caso aconteceu na BA-052, conhecida como Estrada do Feijão, no âmbito da Operação Posto Legal, segundo informações da Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz).

Após a confirmação da fraude por laudo do Departamento de Polícia Técnica (DPT), a inscrição do posto no ICMS foi suspensa pela Sefaz, o que, na prática, impede a operação.

Segundo a ANP, trata-se de uma das maiores fraudes do gênero já encontradas em todo o país, com a presença de etanol na gasolina em patamar muito acima do limite de 27% fixado pela legislação. A Sefaz também impediu a operação de outros três postos do mesmo proprietário, com base na lei estadual 9.655/2005. A empresa será autuada e terá prazo para apresentar defesa, antes de ser definitivamente julgada na esfera administrativa.

Esta não é a primeira vez que uma proporção de etanol muito acima do permitido é registrada pela Operação Posto Legal. Em agosto, um posto em Conceição do Jacuípe, no Recôncavo Baiano, foi flagrado armazenando gasolina comum e aditivada com teores de etanol anidro de respectivamente 77% e 79%.

Nas primeiras cinco etapas da ação, realizadas entre agosto e novembro, foram visitados 116 postos de todas as regiões do estado, em municípios das regiões metropolitanas de Salvador e Feira de Santana, e ainda das regiões Oeste, Norte, Sul e Extremo Sul. Diversos estabelecimentos foram autuados.

Metro1

Whatsapp

Ultimas notícias

Galeria

Barcelona finaliza contratação de Neymar, diz TV
Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Ver todas as galerias

Artigos