16 de Outubro de 2018

Suspeita de bomba interdita Avenida Luís Carlos Berrini por três horas

Uma suspeita de bomba fez com que a Avenida Luís Carlos Berrini, na Zona Sul de São Paulo, permanece interditada por três horas da noite de quarta-feira (7) à madrugada desta quinta-feira (8).

Um frentista avistou o pacote deixado perto de um poste por um homem que dirigia um carro com placa azul.

“Por volta das onze e vinte da noite, mais ou menos, encostou um cara em uma Tucson prata e placa azul. Geralmente essa placa azul é placa de consulado, né? Aí ele desceu do carro, olhou pra um lado e pro outro e colocou um pacote, tentou colocar atrás da lixeira e nisso ele não conseguiu e ele colocou debaixo do poste”, contou o frentista Izael da Silva ao 'G1'. “Era um pacote aparentando cano, redondo com fio lado dele, na lateral dele e todo embrulhado de saco preto”, descreveu.
O esquadrão antibombas foi acionado para verificar o conteúdo suspeito. Enquanto isto, viaturas da polícia e da CET interditaram a via nos dois sentidos. O trânsito foi desviado para a Praça James Maxwell.

O Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais) levou o pacote suspeito para o meio da avenida para verificar se era uma bomba. O esquadrão antibombas concluiu que o pacote era apenas um tubo plástico inofensivo. A polícia vai analisar as imagens das câmeras de segurança do posto.

Whatsapp

Galeria

Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Apresentações e treinos no Vitória
Ver todas as galerias

Artigos